Alunos aderem à metodologia do ???complemento escolar???

Dificuldades para ler, escrever, interpretar e fazer contas. Essas são algumas das barreiras enfrentadas diariamente por inúmeros estudantes em todo o país. A chegada do final do ano acende a luz vermelha para os pais que se deparam com as notas baixas dos filhos. Na tentativa de melhorar esse desempenho, alguns recorrem ao reforço escolar. Mas será essa a melhor saída? Para quem já aderiu à metodologia do complemento escolar, a resposta é não. O reforço tem sido considerado uma medida emergencial. Enquanto o complemento escolar propõe que o aluno aprenda a raciocinar de maneira independente e que aplique esse conhecimento no dia a dia.

Leia a matéria na íntegra: Tribuna do Norte